Tuesday, November 7, 2017

Margareth Shepard é a primeira brasileira eleita nos EUA por voto popular

Ela conquistou uma cadeira de vereadora através do voto popular, nesta última terça-feira 7 de novembro de 2017, na cidade mais brasileira dos EUA, Framingham em MA.
  

            Margareth venceu na disputa popular para vereadora com uma vantagem de 133 votos sobre a sua concorrente. Na verdade o total de 587 votos colocaram a Margareth no posto de vereadora da cidade de Framingham por um mandato de dois anos. Parece pouco, afinal são somente 587 votos de uma cidade de mais de 60 mil habitantes, mas como os votos são por zona este numero de 587 é muito relevante e é um fato histórico. Entretanto Framingham teve a sua primeira eleição para prefeito e vereadores da sua vida, antes era um ‘Town’ não uma cidade, que tinha em seu comando um administrador contratado, que se por ventura fosse ruim, podia ser demito a qualquer momento. Isso jamais vai acontecer com Yvonne Spicer que historicamente também se elegeu a primeira prefeita da cidade de Framingham nesta última terça-feira, 7 de novembro.

            Margareth Shepard, filha do seu Manuel, é antiga moradora de Framingham e bem conhecida na comunidade brasileira, sempre esteve envolvida em alguma atuação política, mas seu verdadeiro teste começa agora a partir da sua posse até o final deste mandato de 2 anos, quando ela com certeza vai ser candidata a reeleição. Ela é primeira brasileira eleita para um cargo publico nos EUA, por voto direto.

            Pablo Maia, brasileiro também foi candidato a vereador por Framingham, teve 1583 votos, mas não foi suficiente na zona que concorria, precisa de no mínimo 6 mil votos, não levou, perdeu.

Framingham tem mais de 60 mil habitantes, destes 40.162 estão registrados para votar, porém somente destes 15731 foram as urnas, ou seja, 39% dos votantes. Isso prova que os americanos não curtem votar e não chegados a uma política, a política aqui nos EUA se decide pela minoria que vota. Isso é um fato seja qual for a eleição, vereador, prefeito, deputado, senador ou presidente do país.

            Na cidade de Everett também tivemos dois brasileiros concorrendo ao cargo público de vereador, Stephanie Martins que por muitos era contada como certa sua vitória, bateu na trave e perdeu a eleição.

            Marconi Almeida, funcionário da Procuradoria Pública de MA, concorreu ao cargo de vereador também pela cidade de Everett, porém seu oponente morreu durante a campanha e ele ficou sozinho para faturar a cadeira de vereador da cidade de Everett, uma barbada, porém precisava no mínimo de 20% do total de votos da cidade para se eleger, não levou, e conseguiu uma vitória épica, perder para ele mesmo.

            Em Boston deu o que tinha que dar Marty Walsh se reelegeu com ampla vantagem sobre o seu concorrente e continua no comando da cidade, seguindo os passos do inesquecível Prefeito Menino. Walsh tem tudo para se perpetuar na cadeira de prefeito como Menino, mas o tempo vai provar isso.

No comments:

Post a Comment