Thursday, January 15, 2015

Sam Alves faz show em casa


Foi no último dia 8, quarta-feira no Tropical Café de Framingham. O local foi escolhido a dedo, bem no seu reduto na grande Boston. O Tropical Café se atualizou já há algum tempo no quesito shows na casa. As mesas somem, ficam apenas pequenos balcões de atendimento. O palco é compatível com o ambiente e o som e muito bom. Tem dois bares em funcionamento simultaneamente. Não faltam funcionários e seguranças. A casa comporta estourando a boca do balão de 250 a 300 pessoas. Tai uma nova opção para shows menores!
O Sam fez sua estréia de shows em Boston depois da sua acessão como cantor com alguma reputação.  O garoto montou um currículo invejável no último ano:
·         Ganhou o The Voice Brasil/2013 com nada mais nada menos do que 43 milhões de votos.
·         Sam tem hoje mais de dois milhões de seguidores no facebook.
·         Fez vários shows pelo Brasil a fora.
·         Laçou um CD, etc.
A Mara Rubia além de ser sua fã numero um de carteirinha, arquitetou sua vida para Boston. Amiga da família e conhece o Sam desde pequeno, tem moral para trazer o garoto em qualquer lugar, aproveitou a deixa e lança o seu site www.tudomara.com junto com o evento, que está bombando na web, vale à pena conferir.
O Show
Sam marcou de começar o show às 20hs e começou pra lá de 22hs. A produção alegou problemas técnicos, na verdade faltou o fone de retorno dos ouvidos. Ele acabou cantando sem eles mesmo. Com isso ele perdeu um pouco de público que foram embora, mas a grande maioria ficou, meio impacientes, mas ficaram, afinal todos queriam ver o Sam, por que agora ele virou uma celebridade.
Sam cantou muito, sem dúvida tem uma voz diferenciada, quem ficou curtiu o show muito. Contudo para quem já assistiu inúmeros shows aqui em Boston e tem uma visão mais apurada do assunto, dá para perceber que falta mais desenvoltura e ação de palco, para o Sam. O que não torna o seu show menos atraente.  O menino que morava na grande Framingham está no caminho, mas a jornada é longa. Ele é um ótimo interprete, mas precisa se associar a bons letristas para emplacar com músicas próprias. Se acertar este gol, deslancha, mas se não correr atrás, pode ficar e ver a abanda passar, não que ele não seja bom, mas por que se acomodou.
Ele logo após a ganhar o The Voice Brasil, deu algumas entrevistas na TV que todos nós tivemos a oportunidade de acompanhar aqui nos EUA. Ele tentou no inicio passar a idéia de um jovem tímido, que não falava muito em público, etc. Não colou, por que em tudo quanto entrevista que dava ele falava muito, muito mesmo, e depois dizia que tinha vergonha de falar. Ele perdeu alguma coisa nestas entrevistas, e não soube tirar proveito para se projetar mais nacionalmente. Na verdade ele viveu o glamour merecidamente do momento, mas faltou um conselheiro forte, com visão, para ajudá-lo a se conduzir nas respostas. Porem nunca é tarde para que ele apareça. Na verdade mandamos nossa melhor pedra preciosa bruta vocal que tínhamos em Massachusetts para o topo do mundo dos novatos na música no Brasil, e ainda esta em fase de lapidação. O que ele precisa agora é ajuda profissional para falar, ter postura de palco, entonação de voz nos intervalos das músicas em shows e nas entrevistas, e por ai vai. Ele tem tudo para chegar onde quiser, o sucesso que ele tem hoje é nada perto do que ele pode ainda chegar.
A mulherada não esta nem ai, grita, se escabela, chora e vibra com Sam que esta com a bola toda. Belo Show no Tropical e que volte mais inúmeras vezes, esta é a sua casa, é a sua comunidade que sempre vai te abraçar e te acolher com muito carinho. Sucesso!
HBBN – Paulo Monauer
Fotos Helenita Morais
www.hellobrasilnews.com

No comments:

Post a Comment